»
»
O assunto é dólar, não é política