• Em recuperação judicial
  • Tradição na construção civil
  • Necessidade de inovar, para se manter competitiva
Carlos
Economista, formado pela Universidade Estadual de Maringá conhecimentos no mercado de ações, analises econômicas e consultoria de empresas.

Comentários (5)

  1. E se o próximo balanco também vier ruim, vai cair até onde? 1,80 – 2,00??

    1. To botando fé que, com a movimentação da bolsa no sentido positivo, em janeiro vai passar dos 3 reais!

    2. As ações ficou a maior pare do ano abaixo de 1,50 agora no final do ano com as eleições voltaram a subir. Tem uma tendência especulativa forte nessa ação, principalmente no que se refere ao lobby para a volta do amianto.

  2. Muito arriscada. Talvez no trade, mesmo assim complicado.

  3. Essa é uma daquelas empresas que não está muito preocupada com o imposto sobre os lucros. kkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *