INÍCIOS, DECISÕES E ESCOLHAS.
[mp_heading]

 

FATORES QUALITATIVOS DE ANÁLISE FUNDAMENTALISTA

[/mp_heading]
[mp_image id=”11425″ size=”full” link_type=”custom_url” link=”#” target=”false” caption=”false” align=”center” margin=”none,none,20,none”]

Análise Qualitativa

Análise Qualitativa – Ao analisar as informações de uma companhia para análise fundamental, pode-se fazê-lo de duas formas. Primeiramente, há fatores quantitativos com os quais lidaremos no próximo capítulo, que incluem observar números brutos como vendas, fluxo monetário e outros itens das declarações financeiras.

Os fatores quantitativos são medidos através de números e com grande precisão, mas falham em compreender os fatores subjacentes que podem levar um negócio à falha ou ao sucesso.

 

Fatores qualitativos, por outro lado, são tão importantes quanto ao analisar um negócio ou indústria, mas esse tipo de pesquisa não produzirá um resultado ‘preto no branco’ e é mais sobre opiniões ou os sentimentos que você possui sobre a empresa.

Central à análise qualitativa é como o negócio pretende ficar à frente da curva e da competição. Tal como a qualidade e integridade da gestão do negócio, os produtos – se são superiores em qualidade e como o negócio pode manter essa vantagem, pesquisas e desenvolvimentos superiores ou uma forte proteção de patente.

A Gestão

O começo de qualquer análise qualitativa de um negócio seria observar sua gerência ou os fundadores do negócio, ou quem quer que seja que esteja guiando o navio.

Observar os registros dos oficiais principais, pesquisar suas histórias com outras companhias, sua educação e também ler os arquivamentos para discussões de gestão. Se possuem experiência no setor que trabalham e reputação para serem respeitados.

Deste ponto ligado à gestão estão os funcionários, se eles estão motivados e satisfeitos com seu trabalho e a cultura do ambiente de trabalho como um lugar feliz e produtivo. Muitos desses itens são chutes e sentimentos que você possui em relação à companhia, mas um pouco de pesquisa nisso pode dar ao investidor um medidor da situação.

O Consumidor

O consumidor que usa os produtos e serviços da companhia. A pesquisa pode ser feita com os consumidores da companhia analisada, se eles possuem o melhor produto no mercado, ler análises de seus produtos e serviços pode dar ao investidor uma ideia sobre se a companhia está vendendo algo superior aos outros.

Marca

Outro fator difícil de se medir é a marca. Alguns produtos como a Coca-Cola podem ser difíceis de serem replicados com outras bebidas, mas a marca Coca-Cola é mundial e seu valor difícil de quantificar em números.

Outras marcas fortes como Mercedes-Benz ou Apple, que são identificadas com qualidade, tem um valor de venda aumentado devido à percepção do consumidor e produtos de mais qualidade.

Barreiras para entrada

Se a companhia possui um produto que é difícil de ser replicado ou requer treinamento significativo para usar. Um exemplo seria a desenvolvedora de softwares Adobe Systems, que oferece softwares de design e ilustração, que demanda um tempo de treinamento significativo.

Um consumidor provavelmente não se sentiria inclinado a mudar para outro software e começar o processo de treinamento todo de novo.

Se a companhia possui um produto protegido por patentes e propriedade intelectual, bloqueando competidores ao mercado. Muito pode depender do modelo de negócio da companhia e da forma que planejam o futuro do negócio.

Análise qualitativa envolve julgamento de informações não quantificáveis, que querem que o investidor adquira uma opinião sobre as forças e fraquezas da companhia, seu futuro, sua gestão e vantagem competitiva como um potencial investimento.

A informação deve ser usada em conjunto com uma análise quantitativa.

   <<2.Lição,O Que é análise fundamentalista e por que ela é útil?                 >>4.Lição – Análise quantitativa e demonstrações financeiras